Analua Zoé – O vermelho fica-te a matar na boca do desejo

450

Aguarela sobre tela

80 x 60 cm

Impressionismo

Categoria:
Descrição

Analua Zoé, nasceu na zona de Sintra e desde criança que sempre foi apaixonada pelas Artes, desde desenho, teatro, artes manuais e escrita. No liceu, amava profundamente as disciplinas de Língua Portuguesa e Artes Manuais, sendo convidada para executar o Jornal de Parede no Liceu e escrever peças de Teatro para interpretação nas festas finais de fim dos períodos lectivos.

Trabalhou no Instituto de Imprensa Democrática, no Dafundo, em jovem, sendo uma instituição ligada à ajuda à imprensa regional através do envio de peças jornalísticas de vários jornalistas reconhecidos chegando a publicar várias peças jornalísticas ligadas à crítica sobre livros que lia entre eles o escritor Aldous Huxley, acerca do livro Admirável Mundo Novo.

Autodidacta no desenho, pintura e fotografia conceptual sempre diz que a sua maior aprendizagem são os outros artistas acreditando que a evolução da Arte está directamente conectada com a forma como os artistas se inspiram uns aos outros.

Actualmente é actriz no Grupo de Teatro Oeiras Dance Academy, escritora, poeta e fotógrafa amadora concebendo fotografia conceptual baseada no seu imaginário, criando histórias e sendo ela a criadora das obras desde o guarda-roupa à maquilhagem, seja para ilustrar a sua prosa ou poesia ou a dos seus modelos também poetas.