Artur Nogueira

Nasceu em Vila Nova de Milfontes no ano 1959. Iniciou o seu percurso artístico em 1979 na área da modelagem em cerâmica, produzindo peças de artesanato, tendo como motivo peixes.

Em 1989 conheceu o mestre Fernando Cabral que tem desenvolvido actividades ligadas á ciência musicológica e historia natural. O percurso deste mestre não é alheio à sua formação na Smitsonian Institution, e no museu de Nova York. Nas aulas com este mestre adquiriu conhecimentos na área de produção de materiais científicos com recursos a técnicas de escultura de alto rigor, em que os produtos são as resinas sintéticas.

Ao longo do seu percurso artístico realizou vários trabalhos de artes plásticas de temática científica para o Museu Augusto Nobre da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto. Ao abrigo do programa ciência onde foi aberto concurso Internacional. Na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa onde executou cenários para o Museu de História Natural. Colaborou com o Jardim Zoológico de Lisboa no Habitat das Otárias. Tem realizado, por encomenda, peças decorativas para interiores e exteriores, de empresas e particulares, trabalhos com cariz lúdico e plásticos nomeadamente: Rocha Artificial em fibra de no Shopping do Funchal; Quinta Nossa Sª Auxiliadora na Aboboda Cascais, “Arvore artificial em cimento” (6.40m altura), Rio, Cascatas e Lagos em rocha artificial em cimento (40m X 20m).

Tem participado em exposições colectivas;
• 2005, na Casa do Artista em Lisboa.
• 2006, Centro Cultural Cascais
• 2006, Arte na Planície Montemor o Novo
• 2006, Palácio das Galveias (Campo Pequeno) Lisboa

Nos últimos anos tem desenvolvido estudos em atelier na escola de pintura ArteIlimitada, em Lisboa com a orientação do professor Manuel Vilarinho.